sábado, agosto 14, 2010

De janeiro a janeiro - Roberta Campos e Nando Reis.

2 comentários:

deh ramos disse...

e geralmente nunca entendem :/

Daniela Filipini disse...

O talvez é sempre uma dor.